Menu

PROJETO RÁDIO TREM
Recordando os Bons Tempos!


O PROJETO RÁDIO TREM, NOSSA HISTÓRIA...

  

O site Rádio Trem, foi registrado no dia 30 de Junho de 2016. 

E entrou no ar, no dia seguinte.

 

A ideia é resgatar parcelas da história da ferrovia, tanto em matérias, textos e imagens no site, bem como em forma de boletins (tirinhas), que serão apresentados ao longo da programação sonora.

 

Em paralelo, a intenção é resgatar antigos sucessos musicais, além de recordar comerciais antigos de marcas e produtos que marcaram suas respectivas épocas.

 

O site não tem por hora fins lucrativos e tão pouco patrocínio, para a sua construção e manutenção. 

 

Essa é uma ideia que está sendo colocada em prática, dentro dos recursos disponíveis. E com o apoio de alguns parceiros e colaboradores, igualmente entusiastas.

 

Agradecemos a sua visita e audiência!

RÁDIO TREM WEB SÃO PAULO 


Equipe   Rádio   Trem

Anderson Alves Conte

Entusiasta da Ferrovia e do Rádio, é o idealizador do Projeto Rádio Trem.

Faz voluntariamente a montagem da programação musical, com a edição dos programas, playlist, comerciais antigos e tudo que é veiculado na Rádio Trem Web.

É membro da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF) desde o ano de 2003, ingressando na referida entidade pela Regional São Paulo. atuando durante muito tempo junto a operação do Trem Cultural dos Imigrantes - Maria Fumaça (Brás - Mooca) como Monitor - Chefe de Trem, dentre outras demandas da referida regional.

* Foto no estúdio do amigo José Daud, da Rádio Difusora 960 web (www.difusora960.com), que resgata a saudosa Rádio Difusora AM 960 khz de São Paulo, uma das líderes de audiência na década de 1970.

Professor André Galdino

Colabora voluntariamente com quadro FALANDO DE TREM PARA A RÁDIO TREM,  onde o mesmo conta de forma resumida, parcelas da história das nossas ferrovias.

Os quadros FALANDO DE TREM, são apresentados de forma aleatória no decorrer da programação da rádio trem.

Sendo produtor e apresentador do programa TRENZINHO DO CAIPIRA, que apresenta a história e os sucessos dos principais artistas da música brasileira.

Faz a pesquisa e edição das músicas com a temática ferrovia e o trem, que estão inseridas na programação.

Realiza as manutenções e atualizações no web site do Projeto Rádio Trem.

* O Professor André Galdino é o coordenador do Núcleo de Memória Ferroviária da ABPF Regional São Paulo, instalado atualmente na Estação da Cidadania, antiga Estação Ferroviária da Sorocabana - Fepasa, na avenida Ana Costa, em Santos - SP. Atividade essa que o mesmo exerce de forma voluntária.

Julio Moreno

Mestre e Profissional na área da comunicação, leciona na instituição FIAM - FAAM. 

Em sua carreira, já passou pela Rádio Antena 1, Rádio Cidade, Gazeta FM, Nativa FM, Rádio X, dentre outras emissoras de São Paulo. 

Colabora de forma voluntária com o Projeto Rádio Trem, produzindo parte das vinhetas e chamadas da rádio.

As Vinhetas; Rádio Trem A Locomotiva do Som! / Rádio Trem A Locomotiva do Sucesso! / Projeto Rádio Trem Recordando os Bons Tempos! / Projeto Rádio Trem Recordando Parcelas da História do Trem, são de sua autoria e locução. 

* Foto da época em que o Julio Moreno trabalhava no Portal R7 - TV Record.

Karina Nina

Colabora de forma voluntária, com a seleção musical do ESTAÇÃO DO SAMBA; 


Programa semanal que apresenta o melhor do nosso samba, que é apresentado aos Sábados das 15h ás 17h.


* É Membro da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF) Regional São Paulo, atuando no atendimento ao público e agendamentos no Trem Cultural dos Imigrantes - Maria Fumaça (Brás - Mooca).

Memória  do  Rádio

O Rádio no Brasil

Assim como na discórdia pela invenção do rádio, a origem do rádio brasileiro também é controversa. A história trata a Rádio Clube de Pernambuco como pioneira, por ter sido fundada em 1919.

Porém, no dia 7 de setembro de 1922, no Rio de Janeiro, durante as comemorações do Centenário da Independência, o discurso do presidente Epitácio Pessoa foi ao ar. A irradiação ocorreu por transmissores da Westinghouse Electric, instalados no Corcovado, Rio de Janeiro.

No ano seguinte, Edgard Roquette Pinto, carioca e nascido em 1884, considerado "o pai do rádio brasileiro", e Henry Morize fundam, em 20 de abril de 1923, a Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, por muitos considerada a primeira estação. É inegável o mérito técnico e histórico de Morize e Roquette Pinto, tanto que o dia 25 de setembro, nascimento de Roquette Pinto, foi escolhido como o Dia da Radiodifusão.

A inexistência de anúncios e patrocinadores originava emissoras do tipo “rádio sociedade” ou “rádio clube”, onde os ouvintes pagavam mensalidades. Somente a partir de 1932, foi autorizada a inserção de anúncios pagos, o que gerou a fase comercial do rádio no Brasil, com a contratação de artistas e pessoal técnico.

A Rádio Nacional do Rio de Janeiro foi fundada em 1936, tornando-se a mais ouvida em ondas curtas e médias nos rádios do Brasil. A Nacional apresentou a primeira novela, “Em busca da felicidade” (1941) e criou o Repórter Esso, 1941-1968, o mais famoso radiojornal brasileiro, na saudosa voz de Heron Domingues.

 Em 1936, Ary Barroso estreava como narrador esportivo, assoprando uma gaitinha quando havia um gol. No mesmo ano era gravado “Cantores do Rádio” de Lamartine Babo, João de Barro e Alberto Ribeiro, imortalizado pela gravadora Odeon nas vozes de Carmen e Aurora Miranda. Clique no rádio ao lado para ouvi-las.


Em 1937, inaugura-se solenemente a rádio Tabajara da Parahyba, em João Pessoa. O equipamento de transmissão foi montado pela empresa paulista Byington & Cia., com 10 kW e 27 válvulas, as duas últimas refrigeradas a água, conforme Moacir Barbosa de Souza. A recepção só foi possível com a instalação de um receptor marca Cruzeiro, também fabricado pela Byington.

No Rio Grande do Sul, a primeira transmissão ocorreu no dia 7 de setembro de 1924 e em Porto Alegre, nas ondas da Rádio Sociedade Rio-Grandense, a qual não completou dois anos de existência. A Rádio Pelotense, fundada em 06 de junho de 1925, como Sociedade Rádio Pelotense, é a mais antiga emissora de rádio gaúcha em funcionamento.

Em Porto Alegre, a primeira “estação” foi a Rádio Sociedade Gaúcha, fundada em 1927, hoje integrante do Grupo RBS. Em 1934, vai ao ar a Rádio Difusora e um ano após, na comemoração do Centenário da Guerra dos Farrapos, a Farroupilha. A primeira foi adquirida (1980) da Ordem dos Capuchinhos pelo Grupo Bandeirantes e a segunda passou, dos Diários e Emissoras Associados para a RBS.

A Rádio Guaíba iniciou suas transmissões no dia 30 de abril de 1957, em Porto Alegre. Com um som de extrema fidelidade e com uma programação inigualável por décadas, a Guaíba converteu-se numa escola de radiojornalismo do Sul do Brasil, estando presente em todas as Copas do Mundo desde a sua fundação.

www.museudoradio.com

Podcast  Voz  Off  -  Os  grandes  nomes  da  locução  brasileira
Por:  
  Nicola  Lauletta  e Antônio  Viviani

PODCAST VOZ OFF 

Apresentado por  Nicola Lauletta e Antonio Viviani ,o Voz Off traz

 mensalmente entrevistas com grandes nomes da locução no Brasil!


Ouça através do:


http://radiofobia.com.br/podcast/category/podcast/vozoff/



Documentário  A  história  do  Rádio  no  Brasil
Por:  Eldemar  Oliveira

RÁDIO   TREM   SÃO   PAULO   (web)